sexta-feira, 4 de março de 2011

#NowPlaying

          Como de costume, cá estou eu para falar um pouco do que estou ouvindo nesse início de ano. Resumidamente posso dividir meus sons atuais em:
1- Música Pernambucana: Preciso valorizar o que é da terra, certo? Bom nessa categoria destaco Volver, banda de rock nascida em 2003, com dois CDs lançados até então, recomendadíssimo o segundo CD, Acima da Chuva, top3: Tão perto, tão certo; Natural; Pra Deus Implorar. Destaco também Karina Buhr cujo disco de estreia, Eu Menti Pra Você saiu ano passado, Karina foi durante anos integrante da banda Comadre Fulozinha e fez também diversas participações e discos de outras bandas locais como Eddie e Mundo Livre S/A, top 3: Ciranda do Incentivo; Vira pó; Eu Menti pra você. Categoria 
2- Rock Gaúcho: destaque pra três bandas: Engenheiros do Hawaii (minha banda nacional favorita, diga-se de passagem), Cidadão Quem e Pouca Vogal (que é uma dupla: Humberto Gessinger (Engenheiros do Hawaii) e Duca Leindecker (Cidadão Quem). Top3 Engenheiros: Guardas da fronteira; Pra ser sincero; Piano Bar; top 3 Cidadão Quem: Girassóis; Ao fim de tudo; Dia Especial; top3 Pouca Vogal: Além da Máscara; Tententender; Breve. Categoria 
3- Pop internacional: mostrando minha veia eclética entra na minha lista música pop, bom, entra nos mais ouvidos atualmente Glee The Music Vol.4, top3: Me Against The Music; Empire State of Mind; Just The Way You Are. E o CD mais novo da Katy Perry, Teenage Dream, top3: California Gurls; Teenage Dream; Firework.
          Depois desse embaralhado, vamos para o que eu mais tenho ouvido atualmente: THE KILLERS. Eu sei que a banda não é nova, sei que eles não estão nem tocando juntos, mas também não é de agora que eu escuto eles... A questão é o que The Killers não sai do meus ouvidos por nada, então vamos a um post à parte sobre meus assassinos favoritos.
          The Killers é uma banda estado-unidense de rock alternativo, formada no ano de 2002 em Las Vegas, tendo porém sua estréia em Londres, onde à partir do topo das paradas espalhou seu sucesso pelo mundo. É composta por Brandon Flowers (vocais e sintetizador), Dave Keuning (guitarra e vocal de apoio), Ronnie Vannucci (bateria) e Mark Stoermer (baixo e vocal de apoio).
Discografia:
Hot Fuss: Hot Fuss é o álbum de estréia da banda, lançado em 2004, foram retirados quatro singles do álbum, "Somebody Told Me", "Mr. Brightside", "All These Things That I've Done" e "Smile Like You Mean It". Hot Fuss foi um dos cinco últimos álbuns inseridos no livro 1001 Álbuns Para se Ouvir Antes de Morrer.
Sam's Town: segundo álbum, lançado no início de outubro de 2006 pela Island Records. Diz-se que o álbum foi influenciado pelos trabalhos de Bruce Springsteen e Tom Petty and the Heartbrakers, entre outros. O primeiro single lançado do álbum foi "When You Were Young". O segundo foi "Bones", cujo videoclipe foi dirigido por Tim Burton e apresenta gráficos computadorizados, esqueletos e referências aos filmes de Burton, entre outros. O terceiro é o da faixa "Read My Mind" cujo clipe se passa no Japão. E o último single é "For Reasons Unknown", com um clipe onde os integrantes da banda aparecem montados em cavalos.
Sawdust: é uma compilação de lados B, raridades e remixes da banda The Killers, lançado em 13 de novembro de 2007. Singles lançados: "Shadowplay" (cover do Joy Division) e "Tranquilize" com participação de Lou Reed, ex-Velvet Underground, que também escreveu a música.
Day & Age: é o quarto álbum de estúdio da banda, oficialmente o terceiro de inéditas, lançado em 19 de Novembro de 2008. Singles lançados: "Human", "Spaceman", "The World We Live In", "A Dustland Fairytale".
Em novembro de 2009 foi lançado seu primeiro álbum ao vivo, o The Killers Live From The Royal Albert Hall que recebeu o prêmio de melhor DVD no NME Awards 2010. A escolha do local de gravação se deu pelo fato de que a carreira da banda iniciou-se na Inglaterra.
E é isso, com uma ajudinha da Wikipédia ta ai tudo o que você precisa saber sobre a banda que eu mais ando ouvindo, pra concluir, o videoclipe de Bones, dirigido pelo divo Tim Burton:

2 comentários:

Ralph disse...

Muito bom Maninha!!!

Antonio disse...

Gosto de rock progressivo