terça-feira, 6 de julho de 2010

Agora eu vou falar

    Agora sim, resolvi fiinalmente falar, digo, postar a minha real opinião...
    Já tava mais do que na hora de fazer um post sério falando sobre Crepúsculo né? Afinal de contas já foi lançado o terceiro filme da saga, e sério, ainda estou considerando se vou ao cinema ou não assistir. O fato é que, os dois primeiros eu quis ir ao cinema assistir e não fui, o resultado foi que depois eu percebi que não tinha perdido grande coisa. Mas vamos começar essa história do começo.

Final de 2008, estava eu assistindo a MTV (como costumava fazer na época) e passa um clip do Paramore que eu ainda não conhecia, um clip com um clima meio sombrio e criaturas muito brancas passando pela tela. O que veio à minha cabeça? Filme novo de vampiros!! Fiquei empolgada, lógico, e tinha que saber do que se tratava. No fim do clip tinha a indicação de que a música era trilha sonora de um filme chamado Twilight. Certo tempo depois, estava eu conversando com uma amiga minha e comento a existencia de tal filme, que eu, com minha memória "infalível" não lembrava o nome. Aí ela me pergunta: "Não é Crepúsculo não?" Ela achou incrível eu não saber o que era Crepúsculo, mas eu realmente não sabia. Fiquei sabendo então que vinha por aí a mais nova febre. E a primeira opinião que eu ouvi (dessa minha amiga) foi: "Olha, eu tô lendo o livro e ele é bonzinho, mas eu ainda não entendo tanta fama" A segunda opinião (de uma outra amiga minha) foi algo do tipo: O livro é tão bom, tão lindo, tão leve..." Enfim, eu precisava ver por mim mesma.

Do fim de 2008 para o início de 2009 o assunto Crepúsculo tomou conta de toda a rede, sem contar nas reportagens e do trailler passando o tempo todo na TV. Pirei, eu tinha que ver o filme, era febre ué, e eu tinha prioridades de leitura. Eu queria mesmo era ver o filme, mas não vi. Chego na escola, no início das aula, estão lá, as meninas enlouquecidas, gente, me senti excluida por ser a única a não ter lido Crepúsculo, e bem, o filme nem todo mundo tinha visto mesmo. Ao longo do tempo, aos poucos, todo mundo foi assistindo o filme. E eu, pelo pouco que conhecia, entendi que era só mais um romance, e que o vampiro era só pra dar um up, pra não ficar clichê. Minha vontade de ver por mim mesma aumentou quando meu professor, que eu considero uma pessoas de bom gosto disse que o filme era ruim, ele não contou a história mas me apontou os defeitos, e claro quando eu assisti eu procurei os defeitos. Peguei o DVD emprestado e assisti em casa, tava até achando legalzinho a pesar de achar as maquiagens mal feitas e Bella muito branca pra se humana. Porém o grande fail, a grande decepção foi ver a criatura "vampira" brilhando no sol. Quase morri, sério. Por que, meu Deus, por quê? Fiquei com o pé beeeeeeeeeeeeeem atrás. Fiquei remoendo o filme até que assisti pela segunda vez e até que achei legal se desconsiderasse certos detalhes. Agora sim eu tinha que ler o livro.

Chega meu aniversário, no meio do mês de julho. Meu presente (do meu irmão)? Os 7 livros de Harry Potter e os 3 primeiros da saga Crepúsculo. É claro que a minha prioridade foi Harry Potter, ia lançar o sexto filme e eu precisava muito ler o livro. Mas a partir de agosto de 2009 comecei a ler a Saga Crpúsculo. E digo uma coisa, gostei dos livros. Gostei por achar bem escritos, gostei por achar que se encaixa perfeitamente do perfil romance e gostei porque gostei, porque bateu um feeling legal. Ganhei o quarto livro num amigo secreto (inclusive quem me tirou foi o professor do qual eu falei antes) e li no começo desse ano. Gostei apesar de achar que ele causa muita expectativa por muito pouco, mas enfim eu gosto da saga Crepúsculo, bem pelomenos dos livros. O segundo filme eu também fiquei mal por não ter visto no cinema, mas confesso que quando fui assistir em casa nem consegui ver até o final porque me deu sono, até porque Lua Nova eu acho até o livro chato, taí, gosto dos livros, menos Lua Nova (só partes dele).

Bom, sendo eu fã de vampiros, desconsidero que aquilo seja um vampiro, acho que só consigo gostar assim, imaginando que quando eu leio "vampiro" nas páginas, na verdade estou lendo outra coisa. Não tente entender, eu não preciso de desculpa pra gostar de Crepúsculo. Outra coisa, nem morro por Robert Pattinson nem por Taylor Lautner, nem por nenhum outro, só pra que fique claro que não gosto por causa dos atores, até por quê, como disse no inicio os filmes não são lá grande coisa.

Desculpem pelo post longo, é que eu adiei muito esse post. E deixem comentário sobre o que pensam da saga e se eu devo ou não ir ao cinema ver Ecilpse.

4 comentários:

@maylcaps disse...

Disculpe amr queria mt ler seu post mais to sem tempo,então vou fala do blog,ok.Tem assunto(wee),bem organizado,simples,só o seu template q me deixa meio confusa,mais curte e depois vouto pra ler o post.

Thânia Katiuce Cruz disse...

Olha, como fã de filmes e séries vampirescas, acho Crepúsculo (a série) bem sem graça. As criaturas brilhantes à luz do sol são muito down (só falta inventar um Conde Drácula que vira borboleta em vez de morcego u.u).
Também estou nesse impasse de ir ou não assistir no cinema (tem tantos outros filmes melhores em cartaz...)
Eu acho que o sucesso maior foi por conta dos atores, porque com história chichê, efeitos especiais ruins e tantas outras falhas, alguma coisa tinha que chamar a atenção né? Haushuahuhsas'
Abraços.

Carol disse...

Muito bom o seu post
adorei. Adoro a saga! Beijinhos ;*

Deniere disse...

não gaste seu dinheiro com esse filme, é no mínimo muito imbecil

Assista Drácula de 1992...
Esse sim tem uma pegada de Vampiro...

E sinceramente, nem um dos atores me empolgam tanto... São só mais uns playbizinhos que aparece todo mês na mídia.

Se quiser conferir espera baixar da net, eh bem menos ruim. rs

http://deniererocha.blogspot.com/